terça-feira, 10 de janeiro de 2012

O dilema do um time rico

O mercado atual não oferece grandes free agents, mesmo assim os Yankees estariam dispostos a desembolsar algum dinheiro para melhorar a rotação e o line up. O problema que os jogadores querem mais dinheiro do que os Yankees realmente querem pagar. É o dilema que os "bombers" enfrentam na hora de uma negociação. Por ter a fama de um time que nunca teve problemas com dinheiro, as vezes isso interfere em uma simples negociação. Os jogadores querem mais do que vale e mais do que qualquer time pagaria. A briga nesse momento é manter Erick Chavez já que a negociação com Hiroyuki Nakajima falhou. Supostamente são negociações que não mudam drasticamente o time, mas que ajudariam no andamento da temporada. Acho que para um time com a grandeza dos Yankees, essas negociações não estão a altura do time, mas o mercado não oferece grandes opções. Acho que quando os Yankees cogitou em contratar José Reyes o assunto não foi levado tão a sério. Já que a ideia era um shortstop, Reyes que foi para os Marlins era uma opção valiosa e que foi desperdiçada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário