terça-feira, 19 de julho de 2011

AJ Burnett tem problemas, mas ataque salva em grande virada diante dos Rays


 X

(56-37) Yankees 5 @ 4 Rays (50-44)
Tropicana Field - Flórida

W: Robertson (3-0) | L: Torres (0-1) | SV: Mariano Rivera (24)

Com a ajuda proveniente de erros da defesa dos Rays, que vinham de um jogo que durou quase 6 horas contra os Red Sox, os Yankees marcaram já na primeira entrada diante do arremessador Alex Cobb. Com Curtis Granderson na terceira base e Mark Teixeira na primeira, com um eliminado, Robinson Cano rebateu para o campo direito, Mark Teixeira foi eliminado na segunda base, mas Cano chegou salvo na primeira. Granderson marcou 1 a 0 para os Yankees.

Na parte baixa da primeira entrada, AJ Burnett logo começou seu show de horrores. Johnny Damon andou e Bem Zobrist chegou em base com uma rebatida simples. Evan Longoria deu uma longa rebatida para o campo central, impulsionando as corridas de Damon e Zobrist. Quando estavam dois eliminados, Sean Rodrigues rebateu alto e fraco para o infield, AJ Burnett pegou a bola, mas lançou totalmente errado para o primeira base Mark Teixeira. Evan Longoria anotou a corrida, 3 a 1 Rays.

AJ Burnett cedeu mais uma corrida na segunda entrada. Após Burnett lotar as bases, com dois eliminados, Casey Kotchman rebateu para o campo esquerdo e Evan Longoria anotou. 4 a 1 Rays.

Na quinta entrada, os Yankees diminuíram um pouco o prejuízo. Com Brett Gardner na terceira base e dois eliminados, Mark Teixeira mandou uma rebatida simples para o campo direito, impulsionando a corrida de Gardner. 4 a 2 Rays. Houve um problema de energia no Tropicana Field e o jogo foi paralisado por cerca de 18 minutos.

Na parte baixa da quinta entrada, AJ Burnett foi substituído por Hector Noesi. Noesi segurou muito bem o ataque dos Rays, mas o ataque dos Yankees não estava ajudando.

Até que na oitava entrada os nossos rebatedores resolveram acordar. Robinson Cano com uma rebatida simples e Nick Swisher com um walk, chegaram em base. Andruw Jones substituiu Jorge Posada no bastão, mas foi eliminado por bola alta para o campo esquerdo.

Farnsworth entrou para tentar tirar os Rays do perigo, mas Russell Martin deixou as bases lotadas com uma rebatida rasteira para o campo esquerdo. Com um eliminado, Brett Gardner rebateu para o campo esquerdo, Robinson Cano marcou. Eduardo Nunez deu uma fraca rebatida para o campo direito, Brett Gardner foi eliminado na segunda base, mas ajudou Nunez a salvar a primeira. Swisher anotou a corrida de empate. Derek Jeter foi eliminado por strikeout e o placar ficou 4 a 4, no Tropicana Field.

David Robertson entrou na parte baixa da oitava entrada e com maestria eliminou os três rebatedores, sendo dois por strikeout.

Na nona entrada, os Yankees mostraram que podem se superar bastante durante um jogo. Curtis Granderson começou a entrada com uma rebatida simples para o campo central. Teixeira foi eliminado por strikeout, mas Granderson  conseguiu roubar a segunda fase. Robinson Cano foi eliminado por bola rasteira para o campo direito e Granderson moveu para a terceira base. O pitcher Alexander Torres, intencionalmente, andou Nick Swisher. O tiro saiu pela culatra quando Andruw Jones trabalhou um walk e lotou as bases. Russell Martin era o próximo no bastão, e ele... andou! Com isso, Curtis Granderson automaticamente foi mandado para o home plate. 5 a 4 Yankees, virada sensacional!

Mariano Rivera entrou para salvar o jogo. Como de costume, bateu a porta na cara de Kotchman, Upton, e Rodriguez para fechar a contagem. Yankees abrem a série com uma grande virada, 5 a 4!

Nesta terça-feira, às 20:10 (Horário de Brasília), Bartolo Colon inicia o segundo jogo da série e busca apagar a má impressão do inacreditável jogo da semana passada diante dos Jays.  

2 comentários:

  1. o gardner não é um gênio em rebater, mas qdo chega em base, ele ajuda e muito os yanks, ele conseguiu roubar as ultimas 13 bases que ele tentou!

    ResponderExcluir
  2. quase 80% de aproveitamento, ou seja sempre anota corrida.

    ResponderExcluir